Jornal da Educação - JE ISSN 2596-223X - online -

Jornal da Educação-JE ISSN 2237-2164   impresso

Reportagens
Educação Ambiental

Aquecimento Global

     O aquecimento global é o aumento generalizado da temperatura da terra, nos últimos 150 anos. Há diferentes explicações para mostrar quais as causas do aquecimento do planeta. Algumas dizem que as causas são naturais, outras asseguram ser provocadas pelo uso indevido de recursos naturais e poluição.

                                    

     Entre as causas naturais estaria o aumento da radiação solar por causas desconhecidas, ou que o aquecimento da terra é algo natural, sendo apenas a recuperação do planeta depois da Pequena Era Glacial, ocorrida entre os séculos XIII e XVII.

     Porém, os meteorologistas e climatólogos têm considerado que a ação humana realmente está influenciando na ocorrência do aquecimento global. O Painel Intergovernamental para as Mudanças Climáticas-IPCC, estabelecido pelas Nações Unidas e pela Organização Meteorológica Mundial, em 1988, defende que o aquecimento observado nos últimos 50 anos, se deve ao aumento do efeito estufa, devido a ação humana, como aumento dos gases estufa, maior uso de águas subterrâneas e de solo para a agricultura industrial e a um maior consumo energético e à poluição.

     O efeito estufa não é prejudicial ao planeta, pelo contrário, é uma ação positiva da natureza. A radiação solar ao ser refletida pela terra cria o efeito estufa necessário à vida. Entretanto,  o excesso dos gases responsáveis pelo efeito estufa (vapor de água, dióxido de carbono, ozônio, CFC´s) em suspensão na atmosfera, retém uma quantidade maior da radiação solar refletida pela superfície da Terra, aumentando a sua temperatura.

     Embora haja duas teorias distintas, sobre as causas do aquecimento global, ambas concordam em um fato: a Terra está ficando cada vez mais quente. Nos resta então, saber o que podemos fazer para tentar reduzir ou reverter esse fato. E até mesmo como devemos lidar com suas consequências...

Sinais do aquecimento

     Os sinais do aquecimento global já podem ser sentidos em todas as regiões do planeta, com invernos mais curtos e menos frios e verões mais quentes.
O aumento do efeito estufa ocasiona ainda o derretimento do gelo principalmente das geleiras continentais, o afinamento da espessura das placas e gelo no mar Ártico. Podemos observar mudanças climáticas também pelo aumento dos desastres naturais, como as grandes inundações, secas muito extensas, tufões, furacões e ciclones mais intensos e em maior quantidade.

Efeitos na saúde

     Segunda a médica Gercy Moura, o calor aumenta o número de insetos portadores de doenças  infecciosas. “Estima-se que as regiões tropicais duplicam a incidência de doenças transmitidas, a exemplo da malária, dengue e febre amarela. Pode haver maior incidência de diarréias e parasitas intestinais, mas também existe o risco de doenças mais sérias, como a cólera”, alerta a médica.

     Para a médica, “a seca e a mortalidade dos peixes pioram a situação, pois a decomposição cria condições para a contaminação da água e a proliferação de doenças, aumentando os casos de diarrréia e infecção alimentar. Durante as enchentes e alagamentos, a população fica mais exposta à doenças como leptospirose, hepatite (A e E) e febre tifóide”, conclui.

 

 

Fontes: www.terrazul.m2014.net; www.ipcc.ch e  www.greenpeace.org.br

 

 

Leia mais sobre "Aquecimento Global" nos links disponíveis em Educação Ambiental

Login Form