Notícias

Notícias - Últimas Notícias
ESCOLA ENSINA - FAMÍLIA EDUCA
JORNAL DA EDUCAÇÃO - 25-Jan-2017
Atenção senhores pais e mães‼ Está se aproximando o início do ano letivo e é sempre bom lembrar que é em casa que as crianças devem aprender:✅01- Bom dia✅02- Boa Tarde✅03- Por...
Notícias - Últimas Notícias
ENEM: CINCO DICAS PARA A RETA FINAL
Jornal da Educação - 01-Nov-2016
Revisar as anotações do plano de estudos e descansar na véspera da prova são essenciais para obter bom desempenhoEm contagem regressiva para o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio), um dos exames mais...
Notícias - Últimas Notícias
Abertas vagas para Ingresso nos cursos superiores do IFC
Assessoria IFC Araquari - 17-Fev-2016
CURSOS SUPERIORES GRATUITOS COM SELEÇÃO PELO HISTÓRICO ESCOLAR Quatro cursos de nível superior do IFC Araquari (e demais unidades de SC) estão com vagas abertas para cadastro de reserva, com sele...
Notícias - Últimas Notícias
Começa Feira Estadual de Matemática
Jornal da Educacao - 28-Out-2015
A partir desta quarta-feira, 28 de outubro, acontece em Joinville a 31ª Feira Catarinense de Matemática. A abertura será às 18 horas, no Expocentro Edmundo Doubrawa, seguida de visitação pública. A or...
Notícias - Últimas Notícias
TCE publica liminar contra Governo do Estado na contratação dos ACTs Professores terão mais 30 dias
Maria Goreti Gomes - 09-Out-2015
Uma vitória aos professores catarinenses Admitidos em Caráter Temporário (ACTs) foi concedida nesta quinta-feira (8) pelo Tribunal de Contas do Estado, para que eles possam participar dos processos se...

Cadastro






Esqueçeu a senha?
Sem conta? Criar Conta!
ENEM: CINCO DICAS PARA A RETA FINAL
Classificação: / 0
Escrito por Jornal da Educação   
01-Nov-2016

Revisar as anotações do plano de estudos e descansar na véspera da prova são essenciais para obter bom desempenho


Em contagem regressiva para o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio), um dos exames mais importantes do país, é necessário que o candidato esteja preparado para alcançar resultados positivos.

O conteúdo da prova é muito extenso, porém, os estudantes podem aproveitar esses últimos momentos para revisar os temas mais específicos e mantê-los frescos na cabeça. A coordenadora pedagógica da Prepara Cursos, Sileide Vaz Vieira, pontua dicas para quem quer fazer um plano de estudos eficaz.

 

ü  DEFINA AS PRIORIDADES: Nesse momento, é importante recordar os assuntos  que não são tão familiares ao aluno. "Como você não terá tempo de se dedicar a todos os conteúdos do exame, tenha como foco aqueles com maior grau de dificuldade", comenta a pedagoga.

 

ü  TENHA DISCIPLINA: É necessário determinar um tempo exclusivamente para este plano de estudo, com horas estipuladas para cada área de conhecimento. "Quanto mais organizado o aluno for, mais vantagens ele terá no momento da prova", comenta.

 

ü  CONSULTE SUAS ANOTAÇÕES: Sileide comenta que, provavelmente, o estudante não terá tempo de ler novamente todos os textos estudados ao longo do ano, mas, pode retomá-los por meio de resumos e tópicos feitos no caderno.

 

ü  USE A TECNOLOGIA A SEU FAVOR: "Hoje em dia, é possível assistir vídeo-aulas e até resumos comentados pela internet, para otimizar o tempo conte com essas ferramentas", diz.

 

ü  DESCANSE : O momento é de muita pressão para todos que prestarão o ENEM, porém, o nervosismo pode atrapalhar os candidatos. Na véspera da prova, faça alguma atividade que lhe traga prazer.  " Após um ano inteiro de dedicação, descanse e aplique todo o conhecimento adquirido em seu teste. Boa sorte",  finaliza Sileide. (Fonte? www.prepara.com.br)

 
Programa de Combate ao Bullying (JE293)
Classificação: / 0
Escrito por Sueli Ribeiro   
21-Mar-2016
No dia 07 de fevereiro entrou em vigor a Lei nº 13.185/2015, que institui o Programa de Combate à Intimidação Sistemática, mais conhecido como a Lei de Combate ao Bullying.
A palavra Bullying é de origem inglesa e serve para designar atos de violência física ou psicológica que são praticados por uma pessoa ou grupo de pessoas contra alguém que está em posição de inferioridade. Traduzido, bully significa “valentão”, termo que já era usado nas escolas para designar aqueles que constrangiam e humilhavam os demais alunos. 
A Lei nº 13.185/2015 tem caráter preventivo, e dentre seus principais objetivos busca a prevenção e o combate à prática do bullying em toda a sociedade, além de promover medidas de conscientização, prevenção e combate a todos os tipos de violência, ou constrangimento físico e psicológico, cometidas por alunos, professores e outros profissionais integrantes de escola e de comunidade escolar. 
A lei considera como bullying todo ato de violência física ou psicológica, intencional e repetitivo que ocorre sem motivação evidente, praticado por indivíduo ou grupo, contra uma ou mais pessoas, com o objetivo de intimidá-la ou agredi-la, causando dor e angústia à vítima, em uma relação de desequilíbrio de poder entre as partes envolvidas. 
São caracterizadas como a prática de bullying atos como ataques físicos, insultos pessoais, ameaças e expressões preconceituosas, isolamento social consciente e premeditado, entre outros, realizados tanto no ambiente físico quanto no virtual. Neste último caso, o cyberbullying, ocorre quando há o uso da internet para depreciar, incitar a violência, adulterar fotos e dados pessoais com o intuito de criar meios de constrangimento psicossocial. 
As condutas são classificadas conforme as ações praticadas, podendo ser verbal (insultos, xingamento e apelidos pejorativos), moral (difamação, calúnia e disseminar rumores), sexual (assedia, induzir e/ou abusar), social (ignorar, isolar e excluir), psicológica (perseguir, amedrontar, aterrorizar, intimidar, dominar, manipular, chantagear e infernizar), físico (agredir), material (furtar, roubar, destruir pertences de outrem) e virtual (depreciar, enviar mensagens intrusivas da intimidade, enviar ou adulterar fotos e dados pessoais com o intuito de criar meios de constrangimento psicológico e social). 
Os estabelecimentos de ensino, clubes e agremiações recreativas tem o dever, e ficam obrigados a assegurar medidas educativas de conscientização, prevenção, diagnose e combate à violência física e psicológica, muito presente neste ambientes. 
O programa ainda objetiva capacitar docentes e equipes pedagógicas para a implementação das ações de discussão, prevenção, orientação e solução do problema, além de implementar e disseminar campanhas de educação, conscientização e informação, buscando a orientação de pais, familiares e responsáveis diante da identificação de vítimas e agressores.
Não há punição prevista para aqueles que praticam o bullying, pois a legislação privilegia a responsabilização e mudança do comportamento hostil. Contudo, as instituições que se recusarem a realizar ações preventivas podem ser responsabilizadas por omissão e negligência.
Portanto, esse programa deve ser levado a sério por toda a comunidade, a fim de zelar pelas crianças e jovens no ambiente escolar!

*Sueli Ribeiro - Acadêmica de Direito, cursando o último ano do Curso de Direito da Faculdade Cenecista de Joinville - FCJ
 
A moral nossa de cada dia (JE292)
Classificação: / 0
Escrito por Fernando Bastos   
22-Fev-2016
Image
Na coluna discute a influência da religião em nosso cotidiano.
 
A religião tem sido o principal guia de valores éticos e morais desde que surgiu no seio das primeiras hordas humanas. Os teólogos costumam dizer que os sentimentos do que é certo ou errado que todos possuímos, já nascem com as pessoas e se encontram até mesmo nos selvagens.
Ler mais...
 
<< Início < Anterior | 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 | Seguinte > Final >>

Resultados 9 - 12 de 152
Advertisement

Qual a sua opinião?