Os rituais sagrados (JE302) PDF Imprimir E-mail
Classificao: / 0
PiorMelhor 
Escrito por Fernando Bastos   
31-Mai-2017


Se no fossem culturalmente aceitos, a maior parte de nossas crenas e ritos religiosos seriam considerados distrbios mentais (John F. Schumaker)

Assim que nossos ancestrais comearam a formar opinies sobre o mundo sobrenatural, eles criaram a religio. Na sequncia, elaboraram uma srie de cerimnias e ritos mgicos cujos objetivos principais eram formar um canal direto com o mundo dos espritos, bem como atrair a simpatia e afastar a ira de entidades espirituais, que com o tempo seriam identificadas como deuses ou divindades. Todas as cerimnias religiosas listadas abaixo permanecem at hoje, modificadas ou adaptadas aos novos tempos.
Sepultamentos. Talvez o primeiro ato religioso foi o de enterrar os mortos. Sepulturas dos neandertais, de 50 mil anos atrs, revelaram que eles tinham o cuidado de cobrir o corpo do defunto com ptalas de flores, bem como colocar ao seu lado armas e alimentos que iria precisar na passagem para a outra vida. Eis a a primeira evidncia de que eles j pensavam em uma vida aps a morte. Os estudiosos sugerem que foi por causa dos sonhos que nosso ancestral formou a ideia de que havia outra vida alm dessa. No sonho eles eram visitados por um companheiro que havia morrido recentemente, e conversavam com eles! Logo, a vida continuava em algum outro lugar.
Expiao dos pecados. Em certo perodo da Idade Mdia, o cristo podia se livrar dos pecados pagando indulgncias ao papa, que podiam ser em forma de dinheiro, galinhas e cabritos. O Kaparot um ritual judaico que consiste em transferir os pecados do devoto a uma galinha. O penitente diz, muito srio, enquanto gira o galinceo sobre a prpria cabea: Em vez de que eu seja castigado e destrudo neste mundo, deixe que seja esta galinha.
Suco de sangue do pnis de bebs. Os hassdicos, judeus ultraortodoxos, sugam o sangue do pnis de bebs no ato da circunciso, uma cerimnia que eles juram ser por ordem de Deus.
Vivas suicidas. Em algumas culturas antigas a mulher era enterrada ou queimada viva junto ao marido falecido. Porm, nem sempre era um ato voluntrio. Para que ela no herdasse os bens do marido, a famlia dele a obrigava cometer suicdio. No hindusmo esse ritual chamado de sati. Na ndia, algumas vivas ainda seguem o costume.
Autoflagelao. Na Repblica das Filipinas, para celebrar a sexta-feira da Paixo, muitos devotos permanecem durante horas crucificados, enquanto outros se flagelam com bambus e chicotes. Dentro da Opus Dei, instituio ultraconservadora da Igreja catlica, muitos de seus integrantes aplicam chicotadas nas prprias costas pelo menos uma vez por semana. Outra modalidade disciplinadora o uso do cilcio, uma espcie de cinto com pontas de ferro, cuja dor infligida sobre a pele serve para bloquear os desejos sexuais.
O livro Por que um santo?, escrito pelo monsenhor Slawomir Oder, revela que o papa Joo Paulo II fazia uso regular do cilcio para imitar o sofrimento de Cristo. Humano que era, tambm devia ter suas tentaes. Xiitas (uma vertente do islamismo) se autoflagelam com facas na celebrao da Ashura.
A nudez dos monges digambara. Os jainistas veem na nudez uma virtude. S reprovam o nu exibicionista. Digambara significa vestido de espao, e a inteno de andar sem roupa mostrar sociedade que o desapego o caminho para atingirmos a verdadeira paz espiritual. H outros costumes que ainda hoje so observados em nome da f, mas que seriam casos de polcia ou tratamento psiquitrico se no tivessem a chancela da religio.

Fernando Bastos
Sobre este autor:
 
Artigo seguinte >
Advertisement

Qual a sua opinio?